Quer mudar alguém? Mude a forma dele de pensar

Alguma vez você já teve vontade de mudar o comportamento de alguém? Eu já, várias vezes. E como é cansativo essa tarefa. Principalmente no casamento quando achamos (pura ilusão) que temos o poder de mudar os maridos. Ninguém muda ninguém e o pior é que, com o passar do tempo, nossos defeitos vão se potencializando e aquilo que incomoda vai só crescendo. Mas, a boa notícia é que existe sim uma saída para mudar esse contexto.

 

As nossas ações têm origem nos nossos pensamentos. Tudo funciona assim: eu falo algo que vira um pensamento que vira sentimento que vira ação que determina quem eu sou. Ou seja, se eu desejo mudar as minhas ações eu preciso partir da raiz de tudo: mudar o meu pensamento e a forma de falar. Parece fácil, mas na verdade não é. Vamos imaginar alguém que é muito negativo ou preguiçoso, essa pessoa precisa antes de mais nada mudar a sua forma de pensar, as suas crenças sobre a sua negatividade e sua preguiça. Mudando as suas crenças (crença é tudo aquilo que a pessoa acredita como sendo verdadeira, fruto de suas experiências, com altas doses de emoção) ele poderá acreditar ser alguém diferente: no caso, alguém mais positivo e diligente. Quando eu mudo a forma como eu penso sobre mim mesma, eu mudo os meus sentimentos e assim passo a agir diferentemente. Isso acontece muito também com pessoas que fracassam com dietas. Se a pessoa não desenvolve uma mente magra e passa a acreditar que é capaz, ela jamais ira ter um corpo magro permanentemente.

 

Mudar a forma de pensar, aliás, é o grande segredo para atingir qualquer coisa na vida! Se acreditamos que podemos fazer algo ou desacreditamos, isso irá acontecer. Agora, veja se a forma como pensamos não está intimamente ligada à nossa felicidade? Se o que pensamos, sentimos e agimos, então por que não pensamos mais em coisas positivas? Ou se, por outro lado, queremos que o outro mude, por que não fazemos ele enxergar que o seu pensamento é a raiz de todos os males e vitórias da sua vida? Claro que não estou falando de mágica e nem de Papai Noel. Não é isso. Não basta apenas imaginar algo e isso acontece. Seria muito bom! Na verdade, o que estou querendo dizer é que a construção da realidade começa no nosso pensamento. É a partir dele que começamos a traçar algo para nossas vidas. E só então, partimos para a construção real do que queremos. Se eu quero ficar magra, primeiro me imagino magra, mudo minhas crenças, para partir para uma dieta. Se quero passar num concurso, primeiro mudo minhas crenças de derrota, para depois traçar um plano de estudo. Se desejo ter um relacionamento amoroso estável, primeiro mudo minhas crenças sobre fracasso para depois me abrir para alguém. E assim, acontece com tudo na vida. Tudo começa no pensamento. É ele quem manda nos meus sentimentos e sentimentos são carregados de emoções. E são essas mesmas emoções que me levam a agir. Viram que perigo deixar ser governadas por emoções ruins? Quais as crenças que você tem? Quais as crenças que o outro têm que você gostaria que ele mudasse?

 

Que tal começarmos a gerir melhor nossos pensamentos e sentimentos?

 

Se quiser aprender um pouco mais sobre Felicidade Feminina, eu convido você a conhecer o meu Canal no Youtube: Valeria Didier Coach.

 

Um beijo enorme,

Valery Didier

 

#FelicidadeEhUmaEscolha

Comentários

Comentários