10 truques rápidos emagrecedores

Parecer mais magra é o desejo de quase toda mulher. A gente malha, corre atrás, apela para as roupas pretas, passa fome, enfim, dá um duro danado para deixar a silhueta mais slim. Mas, o bom é que existem certos truques na consultoria de imagem que funcionam de verdade como verdadeiros emagrecedores instantâneos. Só é saber tirar o máximo de proveito das roupas, dos acessórios e das cores na hora de coordená-los. Essas dicas são valiosas especialmente naqueles dias em que a gente acorda um pouco mais inchada ou depois de uma overdose de comida. Então, anota aí as 10 peças que nos deixam mais magra (# sempre!):

1. calça reta: a calça reta de alfaiataria deve ser uma presença constante no nosso armário, porque além de clássica, consegue disfarçar imperfeições e ser adaptada em ambientes de trabalho ou lazer. Escolha uma com um bom corte de cor mais escura. Cuidado com aquelas que tem a barra italiana (virada), pois podem achatar a silhueta;

2. calca flare: a abertura final da calça flare equilibra bem o volume do quadril, deixando a silheuta com impressão de mais alongada. Prefira calças de cores ou jeans mais escuro;

3. saia lápis: esse modelo de saia deixa a mulher feminina e com impressão de mais alta e magra. Se for um modelo de cintura alta, o efeito é ainda melhor porque deixa as pernas mais longas. Prefira os tecidos mais encorpados ou couro para alcançar o efeito desejado. Uma boa pedida para o verão são os modelos de couro colorido, lindos e chics para qualquer situação. As mulheres de quadris muito largos devem evitá-la e preferir uma saia em formato de A, mais soltinha;

4. decote V: o devote em V nas blusas, vestidos ou em forma de colares longos aponta para o centro do corpo, abrindo o colo, dando a impressão de mais altura e magreza. Cuidado, apenas, com quem tem os seios muito grandes, pois pode ficar vulgar. O tamanho do decote também não deve ser exagerado, a não ser que você tenha seios muito pequenininhos. O decote em U também é outra boa opção;

5. listras : as listras não ficam proibidas, mas é preferível que sejam verticais (#isso todo mundo já sabe). Mas, e as listras horizontais? Sim, elas engordam um pouco mais, mas ficam liberadas, desde que usadas por baixo da roupa com uma 3ª peça por cima. Cuidado com o tamanho das listras que deve sempre acompanhar a proporção do seu corpo. Prefira sempre listras tom sobre tom com o fundo da roupa;

6. looks monocromáticos: os looks tom sobre tom ou de uma cor única são infalíveis na hora de aparentar uma silhueta mais sequinha (# além de serem mega, super estilosos). Quando você usa duas peças de roupas com cores contrastantes, acaba formando uma linha na cintura. Cuidado também com peças únicas, como vestidos e macacões com detalhes muito grandes ou chamativos. Eles engordam facilmente;

7. sapatos da cor da roupa ou nude: quem quer aparentar pernas mais longas deve sempre investir em sapatos que acompanhem a cor da calça (preto + preto; marrom + marrom) ou em um tom de nude que seja próximo à cor da sua pele. Esse truque é infalível, mesmo que você esteja usando um vestido ou short curtinhos. Outra dica importante é sempre deixar o peito do pé aparecendo e evitar amarrações de tiras ou fivelas nos tornozelos. Eles formam uma divisão, cortando as pernas e deixando-as mais curtas. Se possível, opte por sapatos de salto médio a alto;

8. 3ª peça que cubra os braços: a 3ª peça é a dica mais certeira para parecer mais magra. Tudo que a gente joga por cima, como cardigan, casaco, jaqueta, lenço comprido com as pontas soltas, colete, etc, cria um vão na parte de cima do nosso corpo, alongando-o. Se o calor for muito insuportável, escolha peças de tecidos mais leves ou 3ª peças com mangas mais curtas;

9. vestidos envelopes: esse tipo de vestido transpassado cria uma cintura imaginária, delineando o corpo da mulher. Ideal para pessoas sem cintura e que tenham um busto pequeno ou mediano;

10. tubinhos: roupas muito justas tendem a nos deixar ainda mais gordinhas porque grudam no nosso corpo. O certo mesmo é escolher um roupa que não seja nem folgada nem apertada demais. O bom é o meio termo. E o melhor exemplo para meio termo é um bom e velho vestido tubinho bem estruturado e que não marque a corpo. Pelo seu corte reto, ele ajuda a disfarçar o que estiver de excesso na parte do meio do corpo. Escolha um de comprimento médio ou midi. Ele é elegante e emagrecedor sempre!

DICA DE ESTILO: na hora de parecer mais magra, opte sempre por tecidos que não marcam muito, evite roupas ou acessórios muito largos e justos na barriga, roupas com shape muito arredondado como golas, franzidos e babados e dê preferência sempre a roupas de linhas mais retas e de cores mais sóbrias. Evite as estampas extravagantes e aproveite para abusar de acessórios próximos ao rosto para desviar atenção do resto do corpo. Cuidado também com o comprimento: nem muito curto, nem longo demais. Mostre um pouco do seu corpo, especialmente aquilo que estiver em ordem, seja as pernas ou os braços. E não tenha vergonha de nada.

Lembrem-se de que ser magra não é uma obrigação para ninguém. Cada uma de nós tem um corpo diferente com defeitos e qualidades que podem ser perfeitamente exploradas. A moda está aí para nos ajudar, não para nos deixar para baixo!

Até a próxima,

Valeria Didier
Foto: Reprodução

Comentários

Comentários